Deprecated: strlen(): Passing null to parameter #1 ($string) of type string is deprecated in /home/radiocidade/public_html/home_1/framework/class/Noticia.class.php on line 82
A Rádio Cidade está incomodando

A Rádio Cidade está incomodando

A linha editorial adotada pela Rádio Cidade, de mostrar a realidade dos fatos como eles são, parece estar desagradando a alguns representantes do poder público local. Nos últimos tempos, por mostrar as verdades, inúmeras têm sido as críticas e tentativas de retaliação ao trabalho desenvolvido pelo Jornalismo da emissora. A última delas aconteceu na tarde desta terça-feira (25) e teve como protagonista o vereador Marcos Benhardt (PSL).

Marcos utilizou a tribuna durante a sessão da Câmara de Vereadores para tecer comentários a respeito de uma notícia veiculada na tarde de ontem (24), de que máquinas estariam paradas na secretaria de Obras enquanto a população clamava por auxílio em função de deslizamentos de terra. "Existem pessoas que só sabem falar e compram as outras com palavras. Mas, na prática, não fazem porcaria nenhuma. São pessoas sem ação e pessoas sem ação não valem nada" disse o vereador.

Benhardt defendeu veemente a política administrativa do prefeito Ciro Roza (DEM). Na avaliação dele, a equipe de reportagem da Rádio Cidade, que esteve com vários repórteres nas ruas em todos os cantos do município desde a tarde de sábado (22), passando noites em claro, não saiu de dentro da emissora para poder averiguar a situação real de Brusque. "Eu teria vergonha de ser esse repórter dessa rádio. Tanto é que acho que nem brusquense ele deve ser", disse o vereador em comentário de tom xenófobo.

Xenofobia é a definição dada a pessoas que sofrem preconceito em relação à sua nacionalidade ou cor, ou seja, por não pertencerem a determinados locais. Não são bem-vindas por não pertencerem ao lugar onde se encontram. Marcos Benhardt disse ainda que vai propor uma moção de congratulação pelo trabalho desenvolvido pelas outras emissoras de Brusque na cobertura da cheia.

Como vereador, Marcos Benhardt atuou nos últimos quatro anos apresentando 81 indicações a órgãos públicos e empresas privadas; 15 moções de congratulações e/ou pesar, até aos vigários da Paróquia São Luiz Gonzaga e Azambuja pela morte do Papa João Paulo II; oito requerimentos de informações; 12 projetos de Lei Ordinária, sendo nove nomes de ruas, um de utilidade pública, um para transferência de feriado municipal e um outro que denomina um conjunto habitacional; além de assinar o projeto de Lei que determinou o período de trabalho na Câmara Municipal.

Dúvidas ou Sugestões