Estado mantém quinta semana de melhora de indicadores da matriz de risco

Pela quinta semana consecutiva, Santa Catarina segue a tendência de redução das taxas transmissão e registros de casos graves e mortes atribuídas ao covid-19. Segundo dados da Matriz de Risco, divulgados neste sábado (6), 12 regiões do estado apresentam risco moderado e cinco o risco médio.

Em comparação com o relatório da semana anterior, regiões do Alto Uruguai Catarinense, Médio Vale do Itajaí, Oeste e Planalto Norte apresentaram uma melhoria nos índices avaliados, passando para o moderado. A classificação é a mesma do Alto Vale do Itajaí, Alto Vale do Rio do Peixe, Carbonífera, Extremo Sul, Grande Florianópolis, Laguna, Meio Oeste e Vale do Itapocu no nível azul. 

Apenas a região da Serra Catarinense regrediu nos indicadores,  passando a ser classificada como de nível alto (amarelo) de risco.  Assim como ela, são classificadas assim as regiões do Extremo Oeste, Foz do Rio Itajaí, Nordeste e Xanxerê.

 

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões