Com "Lei do ex", Brusque perde para o Cruzeiro em BH

Na noite desta terça-feira (12), o Brusque Futebol Clubes entrou em campo para enfrentar o Cruzeiro na segunda rodada do Campeonato Brasileiro série B. E a equipe do técnico Waguinho Dias acabou perdendo para o time mineiro por 1 a 0.

O primeiro tempo começou equilibrado, mas ao decorrer do jogo o time mineiro teve a maior posse da bola e as melhores chances para abrir o placar. Com a melhor chance aos 44 minutos, quando Edu faz bela jogada e passa para Rodolfo. O atacante chuta cruzado e a bola carimba a trave de Ruan Carneiro.

Com a bola a maior parte do tempo com o Cruzeiro o quadricolor teve as melhores chances com Lucas Silva. Aos 26 minutos o atacante recebe a bola de Diego Jardel, e o centro-avante do marreco acaba chutando para fora.

A outra chance de Lucas Silva foi aos 32 minutos, após um chute de fora da área de Alex Ruan, o goleiro Rafael Cabral da rebote, e Lucas atento na jogada chuta para o gol. Mas o assistente já havia dado impedimento.

O segundo tempo começou com Brusque diferente da primeira etapa. Dessa vez que dominou o jogo foi o Quadricolor. Mas em um erro de marcação veio o lance principal do jogo. O gol do Edu.

Aos 37 minutos no contra-ataque Waguininho passa para Edu. o ex-Brusque avança e chuta para o gol, no primeiro momento Ruan Carneiro defende, mas no rebote o artilheiro não perdoa, e marca para o time mineiro.

A melhor chance do quadricolor foi aos 33 minutos com Alex Ruan. O lateral avançou com a bola. Na entrada da área resolve arriscar e chuta um foguete, a bola desvia no zagueiro e assusta o goleiro Rafael Cabral.

Com o resultado da partida, o Brusque está na quarta colocação com três pontos somados. Já o time do Cruzeiro é o quinto colocado com os mesmo três pontos.  O Brusque volta a jogar agora só na próximo sabado (23). Os brusquenses jogam fora de casa contra o Sampaio Correa, que é o decimo oitavo colocado.

Ficha Técnica:

Brusque: Ruan Carneiro, Alex Ruan, Bruno Aguiar, Everton Alemão, Toty, Rodolfo Potiguar (C), Trindade, Zé Mateus, Diego Jardel, Lucas Silva e Fernandinho
Técnico: Waguinho Dias

Cruzeiro: Rafael, Rômulo, Oliveira, Eduardo Brock e Rafael Santos; Willian Oliveira, Miticov, Neto Moura, Vitor Leque, Rodolfo e Edu.
Tecnico: Paulo Pezzolano

Arbitragem
Árbitro: Antonio Dib Moraes de Sousa (PI)
Assistentes: Rogério de Oliveira Braga (PI) e Márcio Iglésias Araújo Silva (PI)
VAR: Pericles Bassols Pegado Cortez (SP)
Quarto árbitro: Wanderson Alves de Sousa (MG)

Público: 19.115
Renda: R$ 542.074,50

 

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões