Hemodinâmica realiza mais de 200 procedimentos em um ano

O atendimento aos doentes cardiovasculares na cidade de Brusque tornou-se realidade há pouco mais de um ano, com a inauguração do Setor de Hemodinâmica do Hospital Azambuja, em outubro de 2021. Até o início do mês de novembro deste ano, 210 procedimentos foram realizados no setor, um número bastante expressivo, sendo que 110 foram realizados via Sistema Único de Saúde (SUS), por meio de convênios com o Governo do Estado e 100 via convênios de saúde ou de forma particular.

O convênio com o Governo do Estado, celebrado em março deste ano, inicialmente contemplou a realização de até dez procedimentos por mês, de cateterismo e angioplastia pelo SUS, de pacientes cardíacos que apresentam quadro de urgência, ou seja, que deem entrada no Pronto Socorro do hospital, com sintomas cardíacos. No mês de agosto, o convênio aumentou de 10 para 15 procedimentos por mês. Celebrado para seis meses, o convênio foi renovado até 2023.

De acordo com o gestor hospitalar Gilberto Bastiani, o atendimento de pacientes com sintomas cardíacos pelo SUS é uma demanda recorrente do hospital, que busca o credenciamento do Setor de Hemodinâmica junto ao Ministério da Saúde. “Todo o processo de credenciamento está tramitando junto ao Governo do Estado e esperamos que saia em breve, para que possamos atender ainda mais pacientes. Vale lembrar que embora este seja um processo para atendimentos via SUS, nossa Hemodinâmica atende pacientes de forma particular e através dos diversos convênios de saúde, tanto emergências quanto eletivos. Hoje, as pessoas que chegam no nosso Pronto Socorro e Ambulatório com dor torácica, já são submetidas a exames e têm uma resposta rápida se for necessário um procedimento em nossa Hemodinâmica, um tempo de resposta importante e que salva vidas”, ressalta. 

Bastiani revela ainda que dentre os procedimentos realizados, como cateterismo, angioplastia, procedimentos vasculares e de neurocirurgia, alguns destacam-se como inéditos na cidade de Brusque e na região, demonstrando a alta capacidade das equipes aliada à tecnologia trazida para o setor, hoje coordenado pelo médico cardiologista intervencionista, Dr. Felipe Baldissera.

“Os procedimentos realizados em nossa Hemodinâmica, sob a coordenação do Dr. Felipe, evidenciam nossa busca incessante por oportunizar melhores tratamentos aos pacientes cardiovasculares da nossa cidade e região. Temos hoje médicos altamente gabaritados neste setor. Além disso, o equipamento da Hemodinâmica do Hospital Azambuja é considerado o mais avançado do mundo. São três no Brasil, sendo um deles aqui. Somos o primeiro hospital SUS que tem este equipamento e queremos poder atender a todos que chegam ao nosso hospital”, enfatiza o gestor hospitalar.

As pessoas que chegam no nosso Pronto Socorro e Ambulatório com dor torácica, já são submetidas a exames e têm uma resposta rápida se for necessário um procedimento em nossa Hemodinâmica, um tempo de resposta importante e que salva vidas.

Procedimentos inéditos

Dentre os procedimentos inéditos realizados neste ano, destacam-se a primeira angioplastia coronariana guiada por Tomografia de Coerência Óptica ou OCT (sigla em inglês para Optical Coherence Tomography), e o estudo eletrofisiológico e ablação por cateter.

A angioplastia guiada por OCT foi inédita no Vale do Itajaí. O procedimento minimamente invasivo, utiliza tecnologia avançada no campo da cardiologia intervencionista e é uma das alternativas além da conhecida cirurgia aberta. A técnica é indicada em casos de angioplastia coronariana complexa e síndromes coronarianas agudas, como o infarto do miocárdio. O procedimento foi conduzido pelos médicos cardiologistas intervencionistas Dr. Felipe Baldissera e Dr. Bruno Casagrande, e pelo médico anestesista, Dr. Renan Sossella.

Já o estudo eletrofisiológico e ablação por cateter, foi realizado pela equipe do Incor Brusque em parceria com Instituto de Ritmologia Cardíaca. O procedimento teve por objetivo diagnosticar e tratar paciente com arritmias cardíacas. Ele foi conduzido pelos médicos Dr. Tiago Luiz Silvestrini e Dr. Guilherme Passuello, que ainda contam na equipe de arritmia do Hospital Azambuja com Dr. Rafael Ronsoni e Dr. Saulo Fontoura.

Projeto e realização

O Setor de Hemodinâmica do Hospital Azambuja foi inaugurado no dia 19 de outubro de 2021, com o principal objetivo de atender pacientes com doenças graves, como infarto do miocárdio e acidente vascular cerebral (AVC) em todas as etapas do tratamento, de forma rápida e eficiente. Com a inauguração, o Azambuja passou a ser referência no tratamento de alta complexidade das doenças cardiovasculares e neurovasculares no município e região.
A inauguração da Hemodinâmica do Azambuja tornou-se realidade por meio da campanha de arrecadação entre empresários, realizada no início de 2019, a qual contabilizou cerca de R$ 5 milhões em doações. Este montante, somado a uma contrapartida do próprio hospital, foram empregados na aquisição de equipamentos e obras da Hemodinâmica, como também na reforma e ampliação da Recepção Geral do Hospital, do Centro de Parto Normal e do Pronto Socorro. A campanha foi liderada pelos empresários Ingo Fischer, Luciano Hang, Ademar Sapelli e Osmar Crespi e contou com a contribuição de diversas lideranças empresariais.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Prefeitura e CDL abrem a programação natalina em Brusque

A prefeitura de Brusque abriu oficialmente neste sábado (3) a programação natalina na Praça Barão de Schneeburg no centro da cidade. Até o dia 24 de dezembro uma série de atrações culturais e artísticas irão movimentar o local, entre elas o Mercado de Natal, a Casa do Papai Noel, Contos de Natal, Terno de Reis, Food Trucks, Presépio, Caminhos de Luz, Corais, Carreata do Papai Noel e Cantada de Natal. A grande...
Continuar lendo...

URGENTE - Bombeiros divulgam nome da pessoa que teve documento encontrado no carro

O Corpo de Bombeiros divulgou o nome da pessoa cujo documento foi achado no carro que caiu no rio em Brusque. Ainda não se sabe se este documento é da vítima desaparecida, mas a intenção da divulgação da identidade é de localizar familiares ou a própria pessoa, caso tenha saído com vida do veículo e for quem estava no carro. Trata-se de Jailton Oliveira Junior, nascido em 15 de julho de 1983. O documento é uma CNH emitida no estado da Bahia.
Continuar lendo...

URGENTE - Confirmada primeira morte no deslizamento de terra da rodovia

Na manhã desta terça-feira (29), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) confirmou que um corpo foi encontrado no deslizamento de terra que interditou um trecho da BR-376 em Guaratuba, no litoral do Paraná.  Segundo a PRF, o corpo da vítima, que não teve a identidade informada, foi encontrado na noite desta segunda-feira (28), por volta das 22h30.  Os agentes federais informaram que as buscas devem retornar agora no início da...
Continuar lendo...